Encontro 4 – Estudo – Escrita criativa

RELATO DA OFICINA LITERÁRIA BOCA DE LEÃO

17 DE MAIO DE 2016

 

LOGO BOCA DE LEÃO JGP(P)

Arte: Lucas Prisco Puga

No dia 17 de maio de 2016 a Oficina Literária Boca de Leão iniciou a atividade com a socialização de alguns textos produzidos em casa. Na sequência, o grupo conversou sobre as propostas de Natalie Goldberg em seu livro “Escrevendo com a alma: liberte o escritor que há em você”.

Natalie comenta sobre a compostagem de afirma que “A consciência leva um certo tempo para filtrar as experiências”. Assim, ela orienta a fazer uma pausa com o objeto a ser trabalhado, menciona que é necessário conhecer mais sobre ele e assim incorporar mais dados sobre o que se busca escrever. Ainda nos provoca a realizar um exercício de vasculhar a memória em busca de fatos para o exercício, treinar a escrita, respeitando o tempo de cada um, mas com treino freqüente.

Lista de tópicos é um excelente recurso para o estímulo a criação de textos. Natalie diz:

Ás vezes nos sentamos para escrever e não conseguimos pensar em absolutamente nada para dizer. O papel em branco nos intimida.

Com as listas prontas podemos ter a inspiração ou ponto de partida para evitar o medo do papel em branco. Assim, anote as ideias que surgem, tópicos com temas, assuntos… anote lembranças… no entanto, Natalie nos propõem a uma mudança de atitude ou hábito para a prática de escrever, segundo ela, é preciso: separar uma parte do dia para isso; sentar e escrever; escolher um tópico da lista; deixar a imaginação e criatividade fluir; manter a mão em movimento e escrever sem a preocupação em arrumar palavras ou ideia. Isso, nós fazemos depois.

Um aviso da autora: para sermos profundos, verdadeiros, sinceros e detalhistas.

Na sequência, nós socializamos um texto produzido em casa e comentamos sobre a experiência de escrever e de ouvir. Sobre o que cada texto nos remeteu. Foi um exercício bom de fazer e de compartilhar.

Claudete coordenou a atividade envolvendo um exercício proposto por Natalie Goldberg em seu livro e todos tiveram um tempo de 15 minutos para a escrita. Depois, alguns escritos foram lidos, compartilhados. A intenção é provocar os participantes a escrever e soltar a mão junto com a imaginação, sem medo de nada.

Um dos exercícios que gosto muito e está no livro de Natalie é este:

Procure lugares diferentes para escrever. Você pode ir até um café. Relato o que está acontecendo à sua volta.

Natalie Goldberg nos diz que é importante termos disciplina para escrever.

Agora tente você! Sim, você! É você! Você mesmo! Isso, você que leu este post. Faça o exercício descrito acima e nos diga o que achou e como foi a experiência. Aguardamos um retorno.

 

Participantes presentes:

Evandro Jair Duarte

Murilo Augusto Kurz

Pati Peccin

Isadora Diniz dos Santos

Pedro Mac

Caroline Paim Müller

Claudete Terezinha da Mata

Evelyn K Dodl

Luiza Horbach Dodl

Evelyn Jeissi da Silva

Idê Maria Bitencourt Beck

Marina Hadlich Uliano de Souza

Patrícia Núbia Duarte

 

Texto escrito por Evandro Jair Duarte

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Escrita criativa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s