Arquivo do mês: julho 2012

2012 – Primeiro encontro da Oficina Literária Boca de Leão

ATA – REUNIÃO DE ABERTURA DA OFICINA LITERÁRIA BOCA DE LEÃO – 24-07-2012

Aos vinte e quatro dias de julho de dois mil e doze, no auditório da Biblioteca Pública de Santa Catarina, reuniram-se pessoas interessadas em fazer parte integrante da Oficina Literária Boca de Leão, para conhecerem o programa apresentado pela ministrante e coordenadora Claudete Terezinha da Mata, cuja apresentação aconteceu com recursos tecnológicos através de slides com o conteúdo programático da oficina, que acontecerá no segundo semestre de dois mil e doze. No intervalo da apresentação, a escritora e parceira neste projeto, Dora Duarte fez um depoimento de complemento ao que ouviu e viu sobre o projeto; em seguida a coordenadora fez duas narrativas cênicas, intercaladas às suas falas, utilizando elementos mágicos, como: máscara, pandeiro meia lua e um chapéu cinza, com os quais interpretou partes dos contos, sendo esses: “Por que há tantas estrelas no céu?”, uma releitura do conto de Leonardo Boff; “Velho João: o filho da bruxa”, de autoria da ministrante coordenadora Claudete Terezinha da Mata. Em cena, no primeiro conto foram interpretadas as falas do índio Carajá, da raposa e do urubu-rei; no segundo conto foram interpretadas cenas da vassoura bruxólica e da bruxa mãe do velho João, sendo fotografadas partes dos dois contos cênicos, um gênero muito utilizado nos dias atuais, pelos contadores de histórias com objetos de animação. Nessa primeira reunião não foi possível apresentar todo o programa, ficando a parte que trata dos tipos de contos e suas estruturas, para a próxima reunião que acontecerá no dia sete de agosto, às dezenove horas, horário elegido pelo grande grupo. Em atendimento à solicitação do grupo, todos os conteúdos apresentados nas reuniões, serão colocados no “Blog da Oficina Literária Boca de Leão”, para leitura e pesquisa do público interessado, quando também será feito um Facebook da oficina. Também ficou combinado, em grupo, que todos efetuarão suas inscrições no dia sete de agosto, para que possam receber seus certificados pela Fundação Catarinense de Cultura, no final do semestre a ministrante e coordenadora se comprometeu em se reunir com o coordenador Evandro Jair Duarte, para as devidas providências. Com o adiantar do horário da reunião, a coordenadora faz a introdução de uma melodia de abertura das reuniões (“Todos contam histórias”, de autoria do compositor chileno e contador de histórias, “Pollo”), mais outra melodia (Para escrever e contar) criada por Claudete Terezinha da Mata, a qual servirá para o fechamento das reuniões, com a técnica do abraço coletivo, para o cultivo da harmonização em grupo. Ficou estampado no semblante de todos, a surpresa e o acolhimento de todos nesse fechamento, onde todos ao se abraçarem, pareciam-se mais familiarizados e bem diferentes da maneira como chegaram à  reunião.

Texto escrito por Claudete Terezinha da Mata

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Primeiras reuniões

2012 – Reunião de Organização da Oficina Literária Boca de Leão

ATA DA REUNIÃO DE EQUIPE DE COORDENAÇÃO

Ao quarto dia do mês de julho de 2012, a equipe de coordenação da “Oficina Literária Boca de Leão”, com a presença de Claudete Terezinha da Mata e de Evandro Jair Duarte, os quais efetuaram a correção do projeto para seu adequamento e futura praticidade. Após esse processo de correção, foi determinado o cronograma de atividades para o corrente ano. A temática a ser trabalhada e futuramente publicada, acontecerá dentro do universo infanto-juvenil. Também foram definidas as estratégias de divulgação e apoio para o programa. Para o momento inicial, a ministração ficará com Claudete Terezinha da Mata,  o apoio técnico de coordenação ficará com Evandro Jair Duarte, os quais marcaram o primeiro encontro para o dia vinte e quatro de julho, as dezoito horas e trinta minutos, no auditório da Biblioteca pública de Santa Catarina, para a apresentação do programa; determinando a hora inicial dos encontros, com duração de duas horas, com a proposta de apresentação seguida de dois contos a serem narrados pela coordenadora. Também será colocado à disposição do grande grupo, três horários para o início da oficina, sendo estes: dezoito horas; dezoito horas e trinta minutos e dezenove horas, com encontros quinzenais, nas terças-feiras. O cronograma dos encontros ficou assim: Dia 24 de julho; dias 07 e 21 de agosto; dias 04 e 18 de setembro; dias 02, 16 e 30 de outubro; dias 13 e 27 de novembro, com encerramento do semestre em 11 de dezembro de 2012. O próximo passo após correção, será a divulgação da oficina, com seu primeiro encontro em 24 de julho. Após esta primeira fase de divulgação, será realizada uma visita nas escolas da ilha, para o acolhimento do público infanto-juvenil que deseja entrar no universo literário, no papel de escritor. Sendo assim, através da coordenação e apoio técnico, após colocações em grupo, outros colaboradores serão inscritos em reuniões posteriores, em grande grupo da Oficina Literária Boca de Leão.

Post escrito por Claudete Terezinha da Mata

1 comentário

Arquivado em Primeiras reuniões

2012 – FCC é parceira em oficina literária na Biblioteca Pública de Santa Catarina

A Fundação Catarinense de Cultura (FCC), em parceria com a professora Claudete Terezinha da Mata, sob a coordenação de Evandro Jair Duarte, promove, a partir do dia 24 de julho a Oficina Literária Boca de Leão, voltada a estudantes de todos os graus de formação (do ensino fundamental à graduação) e para o público em geral, para todos que desejam escrever textos literários. A intenção, ao final do curso, é promover um concurso literário e socializar o conhecimento produzido por meio da edição de uma Antologia Literária, guardando para a posteridade os registros dos participantes e premiados.

Interessados devem se inscrever gratuitamente pelo e-mail: evandroduarte@fcc.sc.gov.br.

O projeto enfoca os aspectos da leitura, produção, recital e divulgação de produções literárias em grupo. A oficina literária surgiu da importância de divulgar produções literárias, inicialmente, trabalhadas poeticamente para contrapor ao mundo consumista ao qual a população está exposta a todo instante. Considerando ainda a gama deficiências detectadas hoje no ato de escrever, trabalhar literatura se torna fundamental para incentivar os primeiros passos na arte de escrever e para que não se percam os talentos revelados.

Os participantes irão, nas 4 horas/aula mensais, ler e produzir contos, poesia e prosa, emprega a linguagem conotativa e elementos rítmicos; analisar o efeito de sentido causado pelo uso de metáforas; sensibilizar-se para a emoção e a beleza da construção versos, prosas e poesias; refletir sobre a visão de mundo inerente nas produções literárias, bem como a especificidade da linguagem poética; propiciar condições para uma interação maior em grupo, utilizando-se, inicialmente, da arte poética. Os objetivos são desenvolver a criatividade, utilizando recursos próprios de textos poéticos; despertar o gosto pela poesia e demais textos literários (contos, crônicas…), os participantes reconhecerão nos escritos os diferentes meios de se expressar; explorar as infinitas possibilidades sugeridas pelas palavras lidas e ouvidas, para o desenvolvimento da sensibilidade estética e desenvolver a habilidade de interpretar textos literários, que organizados terão por culminância, um espaço para Recital Literário.

Os encontros serão quinzenal, a partir do dia 24 de julho, sempre às terças-feiras, no auditório da Biblioteca Pública de Santa Catarina.

Sobre a ministrante

Catarinense, nascida em Florianópolis, Claudete Terezinha da Mata é pedagoga, com especialização e Mestrado em Psicopedagogia Clínica e Institucional. Professora de Ensino Técnico para professores das séries iniciais/magistério, professora universitária colaboradora na Educação a Distância (Universidade Norte do Paraná); professora de cursos de capacitações pedagógicas pelo Senai, Univali e Unisul (1997 – 2003), com atuação participativa na implantação e implementação da proposta curricular da Educação Infantil do Estado de Santa Catarina; dos Conselhos Municipais da Criança e do Adolescente e Conselhos Municipais da Pessoa Idosa/SC. Prestou serviços em assessorias pedagógicas a órgãos públicos e privados, consultoria em elaborações de projetos e organização de seminários e conferências regionais, estaduais e nacionais dos direitos da pessoa idosa, Secretária Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa de Santa Catarina (2008 – 2010), sendo aposentada no referido cargo. Escreve contos, crônicas, poesias, roteiros e peças teatrais a partir de leituras do cotidiano e releituras de outros autores, com dedicação exclusiva às escrituras literárias, ao teatro e contação de histórias para todos os públicos. Processos iniciais de formação teatral pela Oficina Permanente de Teatro da UFSC, sob a direção de Carmem Fossari; foi integrante da Oficina Literária Letras no Jardim; do Grupo Teatral Boca de Siri (IFSC). É ainda fundadora e produtora do Grupo Teatral EXPRESSARTE: Bonecos em Movimento; bonequeira; ministrante de oficinas teatrais, teatro de bonecos com materiais recicláveis, arte em cerâmica e pedagógica. A presente bagagem de experiências vivenciadas e observadas nas leituras da vida cotidiana vem colaborar com a produção literária, por meio de oficina para público de todas as idades.

Sobre o coordenador:

Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Especialista em Gestão da Informação e Inovações Tecnológicas pela Faculdade Internacional de Curitiba (FACINTER/IBPEX). Bibliotecário da Biblioteca Pública de Santa Catarina (BPSC).

Serviço:
O quê: Oficina literária Boca de Leão

Onde: Auditório da Biblioteca Pública de Santa Catarina (Rua Tenente Silveira, 343 – Centro – Florianópolis)

Quando: a partir de 24 de julho, quinzenalmente, sempre às terças-feiras.

Inscrições: pelo e-mail evandroduarte@fcc.sc.gov.br

Informações: (48) 3028-8062

Participação gratuita

Link de notíca no site da Biblioteca Pública (FCC): http://www.biblioteca.sc.gov.br/index.php?mod=pagina&id=13565&grupo=300

Deixe um comentário

Arquivado em Primeiras reuniões